Rede estadual de ensino inicia seleção de 12 mil professores-coordenadores

Todos os mestres do ciclo 2 do ensino fundamental e médio da Secretaria de Estado de Educação podem participar do processo

sáb, 09/02/2008 - 11h49 | Do Portal do Governo

A Secretaria de Estado da Educação iniciou quarta-feira, 7, processo de seleção para transformar 12 mil professores em coordenadores. Esses profissionais, que atuarão neste ano nas escolas estaduais, trabalharão como gestores das mudanças anunciadas em 2007. Serão responsáveis, por exemplo, pelo planejamento de como as escolas cumprirão as metas de desempenho e como elevar o nível de aprendizado dos alunos.

A pasta separou em duas fases a seleção dos 12 mil novos profissionais. Até o dia 15 de fevereiro haverá inscrições para atuação no ciclo 2 do ensino fundamental e no ensino médio. A segunda etapa, no meio do ano, será para professor-coordenador de ciclo 1 do ensino fundamental.

Para efetivar a participação no processo, o professor deve realizar sua pré-inscrição até 15 de fevereiro, pelo site www.saopaulofazescola.sp.gov.br. Até o dia 18 deve ir a uma das 91 Diretorias de Ensino e efetivar sua inscrição. Todos os professores, concursados ou temporários, podem participar do processo seletivo.

O salário de professor-coordenador de ciclo 1 é de R$ 1.773,71. Para o ciclo 2 e ensino médio é de R$ 1.975,55. Um professor na rede estadual ganha, de início, para 24 horas semanais de trabalho, R$ 1.036.

Além das datas de inscrições, a secretaria definiu a data e o horário para a prova de seleção: 1º de março, às 8h30. Os locais das avaliações serão divulgados pelas Diretorias de Ensino.

A prova terá 20 questões de múltipla escolha sobre propostas curriculares e metodologias das áreas. Cada questão valerá 5 décimos, e a classificação será a partir de 5 pontos, em uma escala de zero a 10. Após a prova, os candidatos apresentarão projeto de trabalho (de 4 a 14 de março) e passarão por entrevista (17 a20 de março). Os nomes dos selecionados serão divulgados no dia 24 de março.

A secretaria conta com 6 mil professores coordenadores – um por escola. Eles também poderão participar da seleção de 12 mil. A secretaria levará em conta, na avaliação, a experiência já adquirida. A seleção é necessária porque em 2007 foi criada nova função de professor-coordenador, com jornada diferente (40 horas semanais) e bonificação específica (15%, mais incorporações). Cada professor-coordenador agora será responsável por um ciclo (1ª a 4ª séries do ensino fundamental, 5ª a 8ª e ensino médio) e por, no máximo, 30 classes. A seleção dará prioridade para professores que já atuam na escola pretendida, passando para vizinhas se não houver interesse.

A bibliografia que servirá de base para a elaboração das questões estará disponível no site São Paulo Faz Escola, com link pelo portal da secretaria: www.educacao.sp.gov.br.

Inscrições

De 7 a 15 de fevereiro

Fases

Prova – 1º de março – 8h30

Projeto de trabalho – 4 a 14 de março

Entrevista – 17 a 20 de março

Locais

Serão indicados pelas Diretorias de Ensino

Data do resultado

24 de março

Salários

Ciclo 1 – R$ 1.773,71

Ciclo 2 e ensino médio – R$ 1.975,55

Da Agência Imprensa Oficial

(S.M.)