Medidas do Governo garantem entrega do programa Vivaleite

Projeto atende cerca de 700 mil crianças e idosos de todo o Estado

qua, 09/09/2009 - 20h30 | Do Portal do Governo

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo finalizou os processos de compra de leite e garantiu a mais de 700 mil crianças e idosos, atendidos pelo programa Vivaleite, nos 645 municípios de São Paulo, o recebimento do produto. A entrega estava suspensa desde a semana passada.

No interior, o pregão eletrônico de compra de leite já foi concluído e a entrega do benefício começa nesta semana nos 606 municípios. Já na capital e Grande São Paulo (39 municípios), um contrato emergencial garantirá a aquisição de 3,3 milhões de litros por 15 dias, renováveis quinzenalmente por até 180 dias, aos atendidos na região. Oito empresas fornecedoras farão a distribuição as mais de 3,1 mil entidades assistenciais, responsáveis pela entrega do leite a 440 mil beneficiários. A entrega está sendo reestabelecida, conforme cronograma entre empresas e entidades, a partir desta semana.

Essa medida será adotada até que o pregão eletrônico para a aquisição do produto seja concluído. O pregão inicial teve de ser suspenso devido a um mandado judicial obtido por um participante. A Secretaria de Agricultura e Abastecimento alterou a forma de compra do produto do pregão presencial para o eletrônico e com isso obteve redução de preços. A média por litro no interior foi R$ 1,19. Mesmo na contratação emergencial, o preço ficou na casa dos R$ 1,20. A expectativa de mercado era bem acima, em R$ 1,27.

O Projeto Vivaleite atende crianças de 6 meses a 6 anos de idade e idosos a partir de 60 anos, beneficiando famílias de baixa renda. O leite é pasteurizado e enriquecido com vitaminas A e D e ferro (combate a anemia ferropriva).

Da Secretaria de Agricultura e Abastecimento