Marília: polo regional do Imesc faz teste de paternidade

Perícias são feitas a pedido da Justiça para comprovar vínculo genético com máxima segurança

ter, 08/11/2016 - 18h22 | Do Portal do Governo

O Instituto de Medicina Social e Criminologia do Estado de São Paulo (Imesc) é considerado um dos mais importantes centros de investigação de paternidade da América Latina. O órgão mantém 14 unidades no interior do Estado, que permitem descentralizar a realização das perícias.

Só em Marília, de janeiro a setembro de 2016, foram realizados a pedido da Justiça 221 perícias de investigação de vínculo genético. Exame de comprovação de paternidade por DNA (Ácido Dexoxirribonucleio) é o que há de mais avançado no gênero e com elevado nível de confiabilidade de resultado. As perícias são feitas mediante a presença do filho, mãe e suposto pai. Em Marília são realizados em média de 10 a 20 agendamentos com famílias, por semana.

DNA
Assim como uma impressão digital, o DNA de uma pessoa é único (exceto nos gêmeos univitelinos). Ele contém informações importantes sobre o que somos. Metade desse material é transmitido pelas mães e a outra metade pelos pais.
A perícia permite que a mãe consiga obter o apoio financeiro do homem que nega a paternidade da criança. Mas o teste também ajuda o homem a comprovar que é o pai biológico para conquistar os direitos de custódia ou de visita da criança.

Com o teste de paternidade, também é possível para a pessoa reivindicar os seus direitos como herdeiro ou esclarecer as dúvidas de um homem sobre o fato de ser ou não o pai biológico da criança. Para solicitar o exame, os interessados devem recorrer à Justiça, que tem a competência para solicitar a perícia legal ao Imesc.

O Imesc
Além da investigação de vínculo genético, o Imesc faz perícias médicas das mais diversificadas e se mantém em constante processo de atualização, tanto de seu quadro de peritos, quanto do prisma da modernização tecnológica.
Através de constantes aportes, os exames de paternidade passaram por sucessivos processos de aperfeiçoamento tecnológico, desde a implantação, em 2000, de sistemas automáticos à investigação do vínculo genético por exame de DNA.

O Imesc é referência em investigação de paternidade na América Latina e um importante centro de pesquisa técnico científica. O instituto também é pioneiro na utilização de recursos de telemática para pesquisa de informações relacionadas ao uso de drogas, para esclarecimento e prevenção. Confira aqui os dados do InfoDrogas do Imesc.

Do Portal do Governo do Estado