Investimentos em saneamento chegam a R$ 163 milhões

Maior volume é para o Reágua, programa de recupeação das águas paulistas

qui, 14/03/2013 - 18h38 | Do Portal do Governo

Os municípios paulistas terão acesso a uma verba de R$ 163 milhões para obras de saneamento. Esse foi o valor anunciado pela Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos no Encontro do Governo do Estado de São Paulo com os prefeitos paulistas, nesta quarta, 14, em São Paulo.

– Siga o Governo do Estado de São Paulo no Twitter e no Facebook

A maior parte dos recursos vai para o Reágua (Recuperação das Águas Paulistas). Os prefeitos poderão contar com um apoio de R$ 126 milhões para ações de reuso e uso racional, coleta, afastamento e tratamento de esgotos. Outros R$ 6,07 milhões são do Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos), para execução de estudos, serviços e obras relacionados à recuperação, conservação e proteção dos recursos hídricos em 22 municípios.

Já o Se Liga na Rede vai liberar R$ 30,9 milhões como subsídio financeiro para execução de ligações interdomiciliares de esgoto em 25 municípios operados pela Sabesp: Arujá, Barueri, Itapevi, Itapecerica da Serra, Rio Grande da Serra, Taboão da Serra, Alvarez Machado, Teodoro Sampaio, Pedregulho, Hortolândia, Capela do Alto, Pirapora, São Sebastião, Cananeia, Eldorado, Miracatu, Cajati, Santos, Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Mongaguá, São Vicente, Itanhaém e Peruíbe.

Mais de 600 prefeitos prestigiaram o encontro onde Alckmin anunciou um pacote de investimentos de R$ 2,46 bilhões em dez grandes áreas. O governador apresentou aos municípios os programas estaduais que auxiliam as prefeituras no cumprimento do seu papel, bem como no avanço da descentralização administrativa.

Do Portal do Governo do Estado