Fábricas de Cultura iniciam 2021 com oficinas de férias e formações artísticas

Ateliês e Trilhas oferecem formações em várias linguagens, desde circo até multimeios

ter, 19/01/2021 - 14h43 | Do Portal do Governo

As Fábricas de Cultura Brasilândia, Capão Redondo, Diadema, Jaçanã, Jardim São Luís e Vila Nova Cachoeirinha – programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e gerenciado pela Poiesis – iniciam 2021 com as oficinas de férias e com as formações artísticas do 1º semestre do ano para diversas idades. Todas as atividades são gratuitas.

Para as Oficinas de férias não é necessária inscrição. Os vídeos estarão acessíveis pelo canal de YouTube das Fábricas de Cultura (https://bit.ly/3slr0wb) a partir do dia 19 de janeiro.

Os Ateliês de criação e as Trilhas de produção, no geral, mantêm as matrículas abertas entre 19 de janeiro e primeira quinzena de março. Pessoas com interesse pelas formações artísticas devem se inscrever pelo hotsite http://poiesis.org.br/maiscultura/. O público com menos de 18 anos precisa apresentar autorização do (a) responsável.

Até o momento, as aulas do 1º semestre de 2021 dos Ateliês e das Trilhas continuam ocorrendo em ambiente virtual. As pessoas inscritas receberão informações sobre os canais por onde as formações serão aplicadas.

No caso de dúvidas específicas, o público pode entrar em contato pelo telefone de cada unidade, via e-mail contato@fabricasdecultura.org.br ou por mensagem nas redes sociais do programa: Facebook (https://www.facebook.com/fabricasdecultura) e Instagram (@fabricasdeculturasn).

Oficinas de férias

As Fábricas de Cultura das zonas norte e sul de São Paulo, e de Diadema, oferecem diferentes Oficinas de férias a partir do dia 19 de janeiro, todas de classificação indicativa livre. A seguir, alguns destaques.

Unidade Brasilândia:

Os interessados encontrarão oficinas como a de Instalações urbanas no dia 22/01, sendo uma aula sobre o processo de criação e exemplos de ações para estimular a criatividade; e Cantos africanos no dia 29/01, por onde poderão conhecer músicas de quatro países africanos junto às histórias, tradução, pronúncia das canções e proposta de canto. Ambas a partir das 14h.

Unidade Capão Redondo:

Na Oficina de Paper squishy em 21/01, às 14h, público poderá desenvolver brinquedos macios que podem ser apertados à vontade e, mesmo assim, voltam ao seu formato original, com papel, saco plástico, fita adesiva e canetinha entre os materiais utilizados; e Elaboração de currículo artístico em 19/01, às 14h, será direcionada às pessoas com interesse em seguir na área artística e que precisam organizar o seu material, suas experiências em forma de release e currículo, com o objetivo de auxiliá-las na participação em editais, testes e outros possíveis trabalhos.

Unidade Diadema:

Entre as oficinas de férias estão a de Fotografia de longa exposição – Fotos noturnas ou com pouca luz no dia 21/01, às 14h, mostrando o processo que a câmera precisa para capturar em longa exposição; a de Teatro de Fantoches – Construa um amigo imaginário! no dia 26/01, às 14h, buscando dar vida a imaginação e construir possibilidades pelo brincar; e Maculelê em 27/01, a partir das 14h, para noções básicas sobre as expressões corporais que são utilizadas nessa dança, acompanhadas pelas batidas dos bastões que poderão ser substituídos por duas garrafas pet.

Unidade Jaçanã:

A oficina Contando uma história através da música! em 26/01, das 16h às 17h, mostrará diferentes caminhos para desenvolver histórias e cenários por meio dos sons com participante compondo uma paisagem sonora a partir dos temas levantados; Estampas com carimbos artesanais no dia 28/01, das 14h às 16h, produzindo carimbos em E.V.A para estampas em papel e tecido, completa a grade dos encontros de férias on-line.

Unidade Jardim São Luís:

A unidade da zona sul traz diferentes oficinas. Entre elas, a Regendo coro comunitário no dia 22/01, das 14h às 15h30, como uma aula sobre técnica de regência coral, gestos básicos de regência coral e estudo musical básico para regente/líder vocal; e “Um mais velho me contou” em 28/01, das 10h às 11h30, no formato de conto narrando histórias por um parente mais velho, um ancestral sábio.

Unidade Vila Nova Cachoeirinha:

Os destaques são para as oficinas de Dança com luzes no dia 28/01, das 14h30 às 16h30, que por meio da técnica fotográfica de longa exposição os participantes poderão fazer imagens de movimentação com luzes, com celular ou câmera profissional; e de Pintura com cola e corante no dia 29/01, no mesmo horário, explorando as possibilidades de criação de cor a partir da mesma pigmentação.

Ateliês de criação e Trilhas de produção

Neste primeiro semestre, o programa Fábricas de Cultura – unidades Diadema, zona norte e sul de São Paulo – oferece uma pluralidade de linguagens, entre elas, circo, música, teatro, dança, literatura, artes visuais e multimeios. Confira alguns destaques.

Brasilândia:

Em Slam para educadores a proposta é para que educadores e professores conheçam o movimento do Slam, o qual tem a poesia e o ritmo como motores para a leitura, e possam aplicar nas próprias aulas algumas metodologias inspiradas nessa cultura que tem se expandido pelo país.

17/02 a 30/06
Quartas e sextas-feiras, das 18h às 20h45
15 vagas | preferencialmente para educadores e professores da rede pública de ensino

O universo da pesquisa, da captação e da produção de imagens para processo de projeções, internas e externas, de vídeo mapping será exercitado na trilha de Vídeo-arte.

20/02 a 03/07
Sábados, das 14h às 17h
20 vagas | a partir de 14 anos

Capão Redondo:

Em Artesanato Afro-brasileiro, aprendizes terão contato com as diversas técnicas de artesanato dos saberes negros. Os objetos serão confeccionados a partir de histórias e contos da cultura afro-brasileira, principalmente com referências à Capoeira.

17/02 a 02/07
Quarta e sexta-feira, 14h às 17h
30 vagas | a partir de 8 anos

Escrituras negras é uma trilha elaborada a partir das vivências e produções literárias da escritora Carmen Faustino, educadora e gestora sociocultural do Campo Limpo, bairro de São Paulo. As aulas também serão somadas aos estudos e trajetórias de outras escritoras negras. Os participantes poderão conhecer a literatura negra e vivenciar momentos de reflexão, sobre as narrativas e o universo imagético da literatura negra feminina, por meio do recurso da oralidade. A proposta é que a leitura e a escrita aconteçam de maneira livre para desmistificar o senso comum sobre a dificuldade em ler e escrever e, assim, fortalecer o pertencimento territorial e a identidade negra.

18/02 a 01/07
Quarta-feira, 18h às 21h
20 vagas | a partir de 16 anos

Diadema:

Arte Digital – Criação e Design busca exercitar criações, ilustrações, animações, edição de foto e vídeo como temas. O objetivo é introduzir a turma no universo da produção de arte digital voltada ao ambiente on-line.

18/02 a 25/03
Quinta-feira, 18h30 às 21h30
15 vagas | a partir de 14 anos

Produção literária e as possibilidades poéticas de uma obra serão trabalhadas na trilha Litera-Rua – Leitura, Escrita e Editoração da Obra. Os caminhos para a editoração de uma publicação literária serão demonstrados durante os encontros.

17/02 a 23/06
Quarta-feira, 19h às 21h
20 vagas | a partir de 14 anos

Jaçanã:

Locução de rádio (podcast, jingles, cerimoniais) é uma trilha voltada para quem busca alcançar os ouvintes, seja pela rádio ou via streaming por meio de podcasts ou web rádios. A turma conhecerá as possibilidades de utilização da própria voz para diferentes finalidades, desde a gravação de chamadas para eventos, voz off em peça de teatro, spot para comércio local, até a postura adequada e como fazer o roteiro de gravação.

11/03 a 27/05
Quintas-feiras, das 18h às 20h45
20 vagas | a partir de 14 anos

O Instagram vem se destacando no alcance digital para diferentes setores, como a moda, beleza e estética, turismo, gastronomia e decoração. Por isso, a trilha Marketing digital no Instagram é voltada para quem procura um treinamento atualizado, prático e que incorpore as ferramentas de marketing nesta rede.

11/03 a 27/05
Quinta-feira, 18h às 20h45
20 vagas | a partir de 14 anos

 

Jardim São Luís:

A proposta da trilha Produção e elaboração de Projetos Culturais é apresentar métodos para profissionais da produção cultural que desejam se especializar no planejamento estratégico para coletivos e artistas solos, a fim de concorrer em editais e na busca de captação de recursos. Neste curso, 50% das vagas serão reservadas para mulheres cis e trans, como forma de incentivá-las como proponentes dos projetos.

17/04 a 26/06
Sábados, das 14h às 16h
20 vagas | A partir de 16 anos

Construindo uma Docência Solidária para o Pensar e o (Re)Criar tem o objetivo de trabalhar a prática de educadores e professores a partir das vivências individuais e coletivas desses profissionais com seus alunos e alunas, partindo da compreensão de que a docência em seu sentido pleno não envolve apenas o ato de ensinar. O universo do brincar de diferentes culturas será adicionado nos encontros para a construção dos imaginários.

06/03 a 26/06
Sábado, 9h às 11h
20 vagas | Preferencialmente para professores e educadores da rede pública de ensino

Vila Nova Cachoeirinha:

Pelo Núcleo de formação circense – Projeto Folias – Princípios e Fundamentos, aprendizes terão a oportunidade de aprofundar o conhecimento no campo teórico e artístico por meio de atividades de introdução, aperfeiçoamento e manutenção das técnicas do circo. Serão apresentadas possibilidades por meio do tecido, trapézio, lira, corda lisa, acrobacias de solo, mini trampolim, cama elástica e tramp wall.

16/02 a 03/07
Terças e quintas-feiras, das 14h às 16h45; Sábados, das 9h às 11h45
30 vagas | 14 a 21 anos

Por meio da trilha Criação de Apps para Celular, aprendizes vão aprender técnicas de geração de soluções em app com design thinking, além de programar em Flutter usando o DartPad.dev que permite programação sem instalação de nenhum programa. No final os (as) participantes terão produzido apps básicos no DartPad, pensando como programadores de aplicativo.

27/03 a 29/06
Terça-feira, 19h às 21h
30 vagas | a partir de 14 anos

SERVIÇO 

Oficinas de férias

19 a 29 de janeiro

Não é necessária inscrição e os vídeos ficam disponíveis no canal de YouTube do programa – https://www.youtube.com/channel/UCSRGwG1IwHMZAi9XV-rxa2w –  a partir de 19/01.

Ateliês de criação e Trilhas de produção

Fevereiro a julho

Programação e matrículas pelo hotsite http://poiesis.org.br/maiscultura ou http://www.fabricasdecultura.org.br/index.php?t=i.

Matrículas abertas a partir de 19 de janeiro.

Prazo: até a primeira quinzena de março.

As aulas virtuais ocorrem por diversas plataformas como o Zoom. As pessoas matriculadas serão informadas sobre os canais de acesso.

————————

Para mais informações, entre em contato pelo telefone da unidade desejada ou pelo e-mail contato@fabricasdecultura.org.br. 

Fábrica de Cultura Brasilândia
Avenida General Penha Brasil, 2508  | Telefone: (11) 3859-2300

Fábrica de Cultura Diadema
Rua Vereador Gustavo Sonnewend Netto, 135 – Centro – Diadema/SP | Telefone: (11) 4061-3180

Fábrica de Cultura Jaçanã
Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138 | Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360 | Telefone: (11) 2249-8010

Fábrica de Cultura Jardim São Luís
Rua Antônio Ramos Rosa, 651 | Telefone: (11) 5510-5530

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral, 1575 | Telefone: (11) 2233-9270

Acessibilidade: as Fábricas de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, Brasilândia, Jaçanã, Capão Redondo, Jardim São Luís e Diadema oferecem rampa de acesso para pessoas com mobilidade reduzida, elevador, sanitários acessíveis, piso táctil, equipamentos que permitem a leitura para pessoas com deficiência visual e motora, impressoras braile, leitor de audiobooks e acervo com mais de 110 exemplares em braille (livros e áudio-books).

E-mail: contato@fabricasdecultura.org.br | http://www.fabricasdecultura.org.br/index.php?t=i

Funcionamento das unidades da zona norte e sul de São Paulo, inclusive de Diadema: atualmente as seis unidades gerenciadas pela Poiesis continuam realizando suas atividades no ambiente on-line. Toda a programação gratuita, de fruição cultural e de formação artística, pode ser acessada pelo hotsite http://poiesis.org.br/maiscultura/.

*Sujeito às mudanças mediante orientações dos órgãos responsáveis.

SOBRE AS FÁBRICAS DE CULTURA

As Fábricas de Cultura são espaços de acesso gratuito que disponibilizam diversas atividades artísticas. Criadas com o objetivo de ampliar o conhecimento cultural por meio da interação com a comunidade, as Fábricas oferecem uma programação cultural diversificada. Nas unidades você encontrará cursos, atividades, bibliotecas e estúdios de gravação. Em 2020 e 2021, o Programa Fábricas de Cultura – instituições da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, gerenciadas pela Poiesis – conta com o patrocínio do Instituto Center Norte por meio da Lei Rouanet. O apoio contribui para a realização de atividades de formação e difusão cultural.

SOBRE A POIESIS

A Poiesis – Organização Social de Cultura é uma organização social que desenvolve e gere programas e projetos, além de pesquisas e espaços culturais, museológicos e educacionais, voltados para a formação complementar de estudantes e do público em geral. A instituição trabalha com o propósito de propiciar espaços de acesso democrático ao conhecimento, de estímulo à criação artística e intelectual e de difusão da língua e da literatura.