DAEE conclui obra emergencial na avenida Santos Dumont

Pista expressa da Santos Dumont foi liberada esta manhã após término dos trabalhos para recuperação do solo sob a ponte

ter, 06/03/2007 - 13h40 | Do Portal do Governo

A pista expressa da avenida Santos Dumont, no cruzamento com a avenida do Estado, região central de São Paulo, foi liberada na manhã desta terça-feira (6/3). O DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica), órgão da Secretaria de Saneamento e Energia, realizou obra emergencial no local para recuperação do solo sob a ponte da avenida Santos Dumont. Os trabalhos para preenchimento de áreas afetadas pela erosão começaram na sexta-feira (2/3).

A necessidade de realizar a intervenção foi detectada em vistoria do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), solicitada após as fortes chuvas que atingiram recentemente a capital. O IPT constatou a existência de erosão nos taludes (paredes de concreto) do rio Tamanduateí, sob a ponte da avenida Santos Dumont, causada pela infiltração de água e pelas variações bruscas no nível da água durante as enchentes.

A erosão comprometeu o pavimento no cruzamento com a avenida do Estado, motivando as obras emergenciais. O DAEE já havia feito três reparos em pontos próximos, o maior deles em dezembro do ano passado.

Solução definitiva

Após receber as conclusões do IPT, a Secretaria de Saneamento e Energia decidiu também realizar a recuperação definitiva das margens do rio Tamanduateí sob a ponte da avenida Santos Dumont. A previsão é começar as obras nos próximos 30 dias, assim que estiver pronto o projeto executivo. Nessa obra, os taludes serão totalmente refeitos.

As primeiras obras de canalização do rio Tamanduateí datam de 1978. Ao todo, o rio tem 36 km de extensão. Nasce em Mauá, passa por Santo André, São Caetano do Sul e desemboca no Rio Tietê, em São Paulo.

Da Secretaria de Saneamento e Energia

 

(AM)