Covas entrega 11º hospital de sua gestão

Aviso de Pauta - Quinta-feira, dia 26 - Atual administração já acrescentou mais de 4,5 mil leitos à rede pública estadual

qui, 26/10/2000 - 9h13 | Do Portal do Governo

Aviso de Pauta – Quinta-feira, dia 26

O governador Mário Covas inaugura, nesta quinta-feira, dia 26, às 14h30, o Hospital Estadual de Diadema, na região do Grande ABC. Esse é o décimo primeiro dos 14 esqueletos encontrados abandonados em 1995, cujas obras foram retomadas pelo Governo Covas.
Com 291 leitos, a nova unidade hospitalar atenderá em regime de internação e urgências em clínicas médica, cirúrgica, gineco-obstetrícia e pediatria. Em sua construção foram investidos R$ 32,21 milhões, dos quais R$ 25,78 milhões durante o Governo Covas. Nos seis pavimentos, o hospital oferece pronto-socorro, ambulatório, centro cirúrgico e obstétrico, UTI, internação, laboratórios de análises clínicas, radiologia – imaginologia, duas salas de radiodiagnóstico, uma sala de tomografia, uma sala de ultrassonografia, uma sala de ecocardiografia, hemoterapia, reabilitação física, exames cardiológicos – teste ergométrico e holter, exames de função pulmonar e endoscopia.

O governador já entregou os hospitais de Itaim Paulista, Pedreira, Grajaú, Pirajussara, Itapecerica da Serra, Carapicuíba, Itaquaquecetuba, Guarulhos, Itapevi, todos na região da Grande São Paulo, e de Sumaré, no Interior. As unidades de Vila Alpina, Sapopemba e Santo André estão em fase de construção e devem ser entregues até o final de 2002. O Governo do Estado investiu R$ 238,5 milhões na retomada das onze obras concluídas que totalizam 2.647 leitos hospitalares.

A atual administração estadual já entregou quase o dobro de leitos hospitalares da soma do que foi realizado nos quatro governos anteriores. Somando os 2.647 leitos dos onze esqueletos de hospitais, aos 600 leitos do Hospital do Servidor, 250 do Hospital das Clínicas e 811 de ampliações em hospitais já existentes, além de 270 leitos de apoio, o Governo Covas totaliza o acréscimo de 4.578 leitos hospitalares em São Paulo.

Durante a inauguração do Hospital Estadual de Diadema, o governador também entrega ao hospital uma ambulância-UTI, que custou cerca de R$ 100 mil, dos quais cerca de 50% foram investidos em equipamentos. A unidade móvel faz parte de um lote de 60 que está sendo entregue pelo governo paulista aos hospitais públicos da Capital e da Grande São Paulo e aos pólos regionais do Litoral e do Interior. Além de cinco ambulâncias do tipo padrão para os hospitais de Itaquaquecetuba, Itapecerica da Serra, Taboão da Serra, Guarulhos e Casas André Luiz. Só neste ano, o Estado entregou 300 ambulâncias-padrão, que custaram R$ 32 mil cada. Além destas, até o final do ano passado já haviam sido entregues 462 ambulâncias-padrão.

Data: Quinta-feira, dia 26 de outubro de 2000
Horário: 14h30
Local: Rua José Bonifácio, Vila Conceição, Diadema
Presenças do vice-governador Geraldo Alckmin e do
secretário estadual da Saúde, José da Silva Guedes