Cetesb emite licenças de operação para duas unidades prisionais no Estado

Instalações sob responsabilidade da Secretaria da Administração Penitenciária ficarão em Gália e Álvaro de Carvalho

qui, 02/04/2020 - 16h28 | Do Portal do Governo
DownloadDivulgação/Cetesb

A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) emitiu nesta segunda-feira (30) as Licenças de Operação para duas unidades prisionais, sob responsabilidade da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (SAP), nos municípios de Álvaro de Carvalho e Gália.

O Centro de Detenção Provisória (CDP) de Álvaro de Carvalho disponibilizará 823 vagas. O funcionamento do CDP contribuirá diretamente para a redução dos presos provisórios, que aguardam julgamento, da Penitenciária de Marília.

O CDP de Gália conta com duas instalações, cada uma com capacidade para abrigar 847 presos. Elas foram instaladas em terreno de 16 hectares, com área construída de 2,2 hectares. Cada unidade contempla oito blocos. Os centros de detenção provisória são espaços para abrigar presos que aguardam julgamento.

Segundo informações da SAP constantes dos processos, as unidades prisionais foram implantadas em cumprimento ao Programa de Governo para Expansão de Vagas Carcerárias no Estado de São Paulo. O investimento foi de R$ 94.864.964,21 para as unidades de Gália e de R$ 48.643.788,48 para as instalações de Álvaro de Carvalho.