Hidratação ajuda na recuperação de pacientes com dengue

É recomendado a ingestão de líquidos como soro de reidratação oral, água de coco, chás e sucos sem açúcar e principalmente água

qua, 24/04/2024 - 14h23 | Do Portal do Governo

Já tomou água hoje? A hidratação é importante todos os dias, sobretudo na recuperação da dengue por ser uma forte aliada e contribuir para a melhora do quadro, evitando o agravamento da doença. Por isso, a Secretaria de Estado da Saúde (SES-SP) chama a atenção para essa medida tão importante.

A diretora do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) da SES, Tatiana Lang D’Agostini, explica que a hidratação é uma das primeiras ações a serem indicadas para aliviar os sintomas da doença. “A hidratação é uma das primeiras indicações de tratamento, por isso é importante que mesmo sem sentir muita vontade o paciente deve insistir na ingestão de bebidas, pois a doença propicia a perda de líquido dos vasos sanguíneos”, explica.

“Para ajudar na hidratação, é recomendado soro de reidratação oral, água de coco, chás e sucos sem açúcar e evitar o consumo de refrigerantes. A hidratação é o principal tratamento da dengue para evitar a evolução para as formas graves. Uma alimentação leve também deve ser mantida”, afirma a diretora.

Atualmente não existe um tratamento específico para a dengue, e a abordagem terapêutica se concentra principalmente no alívio dos sintomas, na hidratação adequada e repouso. A maioria dos casos de dengue é autolimitada, e a recuperação completa é comum com os cuidados adequados.

Veja como identificar os sintomas da dengue:

  • Febre alta;
  • Dor atrás dos olhos;
  • Dor no corpo;
  • Manchas avermelhadas na pele;
  • Coceira;
  • Náuseas; e
  • Dores musculares e articulares.

Tire suas dúvidas

O Governo de SP, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, lançou o portal “Dengue 100 Dúvidas” com as cem perguntas mais frequentes sobre dengue, zika e chikungunya nos buscadores da internet. A ferramenta desmistifica as fake news que circulam nas redes sociais e orienta a população sobre as doenças. O acesso está disponível no link: www.dengue100duvidas.sp.gov.br

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap