“Polaris, o espetáculo no globo gigante” chega ao Teatro Sérgio Cardoso

Com artistas brasileiros e internacionais, criação do ilusionista, diretor e coreógrafo Maicon Clenk fica em cartaz de 6 a 16 de julho

dom, 02/07/2023 - 10h06 | Do Portal do Governo

De 6 a 16 de julho, o Teatro Sérgio Cardoso, equipamento da Secretaria da Cultura e Economia Criativa com gestão da Associação Paulista dos Amigos da Arte, recebe o espetáculo Polaris, o espetáculo no globo gigante, de quinta a domingo, com sessão dupla aos sábados. Polaris é uma obra do ilusionista, diretor e coreógrafo Maicon Clenk, criador do teatro ilusionista, expressão artística que mistura dança, acrobacias e histórias.

“É uma honra receber no Sérgio Cardoso o espetáculo de Maicon Clenk, que revolucionou a arte circense e mistura teatro e mágica com uma linguagem acessível para todas as idades e nacionalidades”, afirma Glaucio Franca, diretor-geral da Amigos da Arte.

Polaris é uma história sensível contada com muita fantasia e que usa  como recurso principal o Teatro Ilusionista. Na história, uma criança com dificuldades para lidar com a brutalidade humana encontra Polaris, um reino de gelo dentro de um globo de cristal, onde vivem criaturas fantásticas que desafiam a suposta lógica dos seres humanos.

Repleto de efeitos visuais e especiais únicos, o espetáculo reúne bailarinos e acrobatas em figurinos elaborados e uma cenografia sofisticada. O elenco é composto por artistas brasileiros e internacionais com experiência em alguns dos maiores shows de circo do mundo, como o Cirque du Soleil.

Polaris é vencedor do troféu ABRASCE como “Melhor evento do Brasil” e detém dois recordes brasileiros como “Primeiro espetáculo realizado dentro de um globo” e “O maior globo do Brasil”.

Sobre o Teatro Ilusionista de Maicon Clenk

O Teatro Ilusionista de Maicon Clenk é uma  expressão artística autoral que traz para os palcos o mistério do universo em espetáculos visuais e físicos, que integram histórias, ilusionismo, teatro, dança, acrobacia, música e criam experiências que reconectam pessoas à magia.

No Teatro Ilusionista, a diversidade se integra a arte mágica em espetáculos onde o “mágico”, como é popularmente conhecido, dá lugar a histórias originais com outras inúmeras e distintas personagens, que podem ser interpretadas por atores, bailarinos e acrobatas. De forma inclusiva, tudo e todos podem fazer a magia acontecer. O Teatro Ilusionista se expressa através de uma dramaturgia física e visual que não utiliza palavras, ou seja, é universal.

Os diálogos dão lugar à comunicação corporal. Diferente de um show de mágicas, as técnicas de ilusionismo estão a serviço de uma história e integradas a outras formas de expressão artísticas. Os temas abordam o grande mistério que é o universo e trazem pontos de vista que instigam, para além da normalidade, o pensar e o sentir sob o que é a realidade e o que está por trás dela.

Maicon Clenk é ilusionista e diretor coreógrafo, com uma consolidada carreira de 20 anos na criação de espetáculos originais, trabalhos na TV e séries de ilusionismo. É autor da linguagem artística “Teatro Ilusionista” e reúne inúmeros prêmios. Suas obras já foram assistidas por mais de 20 milhões de pessoas ao vivo. Com formação multidisciplinar integra diversos gêneros artísticos para criação de mundos mágicos. Suas criações retratam universos fantásticos.

A temporada do espetáculo em São Paulo é apresentada pelo Ministério da Cultura com patrocínio exclusivo da Volkswagen Financial Services através da Lei de Incentivo à Cultura. Após a estreia nacional em São Paulo, o espetáculo segue turnê pelo Brasil.