Evento online do CRT-SP debate presença de mulheres na área técnica

Pequena porcentagem feminina entre os técnicos registrados no conselho será um dos temas abordados na programação

dom, 07/03/2021 - 9h16 | Do Portal do Governo

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) promove nesta segunda-feira (8), o primeiro CRT-SP Talks de 2021: Mulheres na Área Técnica. O Centro Paula Souza é um dos apoiadores do evento, que será totalmente online, transmitido por Facebook e YouTube. Entre outros temas, o encontro virtual vai abordar a pequena porcentagem de mulheres entre os técnicos: 7% dos 115 mil profissionais registrados no CRT-SP.

“Tenho certeza de que temos muito a contribuir com o debate”, avalia a diretora do Centro de Capacitação Técnica e Pedagógica da Unidade do Ensino Médio e Técnico (Cetec) do CPS, Lucília Guerra, que participa do evento, no painel “Instituições de Ensino”. “A presença feminina nas Etecs é grande, em cursos das mais diversas áreas. Para se ter uma ideia, no Vestibulinho para o primeiro semestre de 2021, as mulheres foram 61% dos aprovados, o que mostra o interesse delas por essa modalidade de formação.”

Painéis

Além do painel “Instituições de Ensino”, do qual participa Lucília, há outros que apresentam cases de sucesso sobre empresas com profissionais técnicas em seus quadros de colaboradores, histórias inspiradoras de mulheres que já atuam em áreas técnicas e de alunas que se destacam nos cursos.

A Escola Técnica Estadual (Etec) Conselheiro Antonio Prado, localizada em Campinas, será representada por duas alunas no painel “Estudantes”: Manuella Gonçalves e Mariana Cardoso, classificadas para a 19ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), evento promovido anualmente pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). O projeto delas, Bio-utensílios, prevê a utilização de uma espécie de tubérculo, o cará-moela, como matéria-prima alternativa ao plástico para produção de embalagens, por exemplo.

No painel profissionais, Bárbara Fonseca, Bianca Chagas e Mariana Andrade, técnicas em Edificações formadas pela Etec Dra. Ruth Cardoso, de São Vicente, compartilham suas trajetórias e conquistas como mulheres que optaram por seguir carreiras em áreas dominadas pelos homens.