Obra amplia campus da USP Leste

Jornal da Tarde - Quinta-feira, 29 de março de 2007

qui, 29/03/2007 - 11h26 | Do Portal do Governo

Do Jornal da Tarde

 

Um novo edifício e um complexo esportivo, que somam juntos mais 11 mil m2 de área construída fazem parte da terceira fase de obras da USP Leste, que está a todo vapor na região de Ermelino Matarazzo, divisa de São Paulo com Guarulhos. Os novos prédios abrigarão laboratórios de pesquisa e salas para os professores. No ginásio de esportes, serão construídas quadras, salas de ginástica e, futuramente, uma piscina. A previsão é que tudo esteja pronto em outubro e em pleno funcionamento para o ano letivo do ano que vem.

O projeto do campus previa a construção de um outro bloco com salas de aula. ‘Por ora não existe uma demanda efetiva do ponto de vista de recursos e necessidade. Mas, a área está reservada para a construção desse módulo’, disse o arquiteto da Coordenadoria do Espaço Físico da USP, Rogério Bessa.

O 5º prédio da USP Leste já está em construção. O esqueleto de 8 mil m2, que é visto no local, se transformará em um edifício com três pavimentos. Ali, vão funcionar 14 laboratórios de pesquisa e mais 150 salas de professores. ‘Os laboratórios servirão para os professores desenvolverem suas pesquisas, para os alunos fazerem iniciação científica e para os futuros alunos de pós-graduação’, explicou o diretor da unidade, Dante de Rose Júnior.

A construção do ginásio poliesportivo está em fase de terraplenagem do terreno.O centro esportivo terá 3,2 mil m2 e terá duas quadras cobertas, salas de ginástica, duas quadras externas e um campo de futebol. ‘Também está prevista uma piscina coberta para atender o curso de Ciências da Atividade Física. Isso deve ficar para 2008’, disse De Rose. ‘O ginásio também atenderá nosso público interno e projetos com a comunidade do Jardim Keralux’, completou. As atividades oferecidas aos moradores da região acontecem nas quadras e no campo de futebol de salão que foram construídos no extinto heliponto.

‘Ainda existem algumas pendências e possibilidades de continuidade do projeto’, informou De Rose. Um grande prédio branco, já pronto, receberá a cozinha, que hoje é terceirizada. Outro bloco, que também está concluído, será o posto de enfermagem e ainda falta instalar os aparelhos de ar-condicionado.

A USP Leste está dentro do Parque Ecológico do Tietê e árvores foram removidas para abrigar a universidade. Essa área verde será devolvida com a plantação de dois grandes bosques.

A USP Leste atende 3.060 alunos em dez diferentes cursos. A construção custou R$ 54 milhões e começou em 2005. Os prédios da biblioteca, anfiteatros e salas de aula e professores foram entregues no ano passado. A primeira turma do novo campus se forma ano que vem.

NÚMEROS 8 mil metros quadrados é a área do prédio

14

novos laboratórios de pesquisa serão instalados

150

é o total de salas para os professores

3,2 mil metros quadrados será a área do novo centro esportivo