Nossa Caixa reduz juros para financiar imóvel usado

Jornal da Tarde - Terça-feira, 14 de junho de 2005

ter, 14/06/2005 - 10h27 | Do Portal do Governo

Antes, o banco cobrava 12% ao ano de juros para o financiamento de casas ou apartamentos. Com as mudanças, anunciadas ontem, o índice pode variar entre 9% e 12%, de acordo com a faixa de preço do imóvel

RODRIGO GALLO

O banco Nossa Caixa reduziu ontem as taxas de juros cobradas em financiamentos de imóveis usados. Antes, o índice cobrado dos mutuários era de 12% ao ano. Com a mudança, o banco criou quatro faixas de preços para as residências, cada uma com uma taxa diferente, variando entre 9% e 12%.

Esse tipo de financiamento está atrelado às regras do Sistema Financeiro da Habitação SFH, que usa as aplicações na caderneta de poupança.

Na prática, o efeito da mudança pode ser percebido ao comparar o valor do imóvel com a taxa anual de juros. Antes da modificação nas regras, qualquer que fosse o preço total da casa ou apartamento, teria a cobrança de um juro fixo de 12% ao ano, mais a correção da Taxa Referencial TR.

Agora, quem comprar um imóvel de até R$ 40 mil terá de pagar taxa anual de 9% mais a correção. O índice aumenta para 10% aos mutuários que quiserem adquirir um casa entre R$ 40 mil e R$ 80 mil.

A terceira faixa de preços recém-criada é destinada aos imóveis que custam entre R$ 80 mil e R$ 120 mil. Nestes casos, o índice aplicado será de 11% ao ano.

Para imóveis cujo valor está acima de R$ 120 mil, os juros são de 12% ao ano. A novidade nessa faixa de preço diz respeito aos financiamentos para funcionários públicos. Essa categoria, em vez de arcar com os juros de 12% ao ano, como os demais clientes, vai pagar anualmente a taxa de 11%.

Para esclarecer dúvidas, basta ligar para 0800-553525, das 10h às 16h.

Com a redução da taxa para financiamento, a Nossa Caixa afirma estar criando uma nova estratégia para atingir mais mutuários, tornando a compra do imóvel mais acessível à população. A idéia do banco é aumentar a oferta de recursos para aquisição da casa própria.

Interessado deve abrir conta na Nossa Caixa
Para abrir um financiamento já com as novas taxas, basta o mutuário comparecer a qualquer agência da Nossa Caixa. Ele, inclusive, será obrigado a abrir uma conta corrente no banco.

Os novos índices de juros são exclusivos para a aquisição de imóveis usados. O limite máximo que um imóvel deve ter para ser financiado pelo SFH, tanto para casas novas ou usadas, deve ser de R$ 350 mil. Contudo, os mutuários só podem obter financiamento de até R$ 245 mil.