Araçatuba com vocação ao turismo

Gazeta Mercantil - 28/4/2003

seg, 28/04/2003 - 9h40 | Do Portal do Governo

O investimento em turismo é uma das prioridades do governo estadual para a região de Araçatuba. O tema foi um dos destaques do fórum realizado sexta-feira pelo governador Geraldo Alckmin e seu secretariado, que reuniram-se com lideranças locais para discutir meios de dinamizar a economia da região administrativa composta por 43 municípios.

O secretário da Juventude, Esporte e Lazer, Lars Grael, que realizou semana passada expedição pela hidrovia Tietê-Paraná, ressaltou durante o ‘Fórum São Paulo: Governo Presente’ o grande potencial de turismo da região. ‘O governo está danto total ênfase para o turismo e a hidrovia Tietê-Paraná tem um potencial ilimitado’.

O secretário destacou o Projeto Navegar, que oferece aos jovens a oportunidade de aprender sobre esportes náuticos e meio ambiente. ‘Com parcerias, vamos desenvolver muitos eventos esportivos e incrementar o turismo na região’, afirmou.

O prefeito de Araçatuba, Jorge Maluly Neto, afirmou que os investimentos estaduais são mais que necessário. ‘Nossa região tem muitos potenciais e precisamos desenvolvê-los para gerarmos riquezas que podem contribuir com todo o estado’, afirmou. Participaram do encontro 21 secretários de estado e os principais membros do Executivo. Araçatuba foi a quarta região administrativa a sediar o ‘Fórum São Paulo: Governo Presente’.

Ações sociais

Além do turismo, a ação social foi outra questão enfocada pelo governo para a região. A secretária da Assistência e Desenvolvimento Social, Maria Helena Guimarães de Castro, disse que há uma rede social de atuação para Araçatuba e ressaltou a importância da parceria do estado e prefeituras.

Ela ressaltou, ainda, o convênio com a Fundação Roberto Marinho para oferecer cursos profissionalizantes para a população de baixa renda. ‘Temos que aproveitar o potencial da região, como a produção de calçados, e oferecer esses cursos através dos centros comunitários de cada cidade’.

Maria Helena destacou também a importância de obras realizadas nos municípios da região como a conclusão de creches e criação de três centros de convivência para idosos. Sobre o Programa Renda Cidadã que atende 1.700 famílias nas cidades da região, informou que será ampliado para 2.300 famílias, a partir de 1º de julho deste ano. ‘Os cadastros já estão prontos e a liberação dos recursos será operacionalizada pelo Banco Nossa Caixa.’

Obras envolvem R$ 45 milhões

O governador Geraldo Alckmin encerrou o fórum no final da tarde, assinando documentos que liberam um conjunto de verbas para a região. Do total de recursos, R$ 45 milhões serão destinados para a construção de moradias populares.

O secretário da Habitação, Barjas Negri, destacou parcerias com as prefeituras locais para redução de favelas e retiradas de famílias de áreas de risco. ‘O objetivo é eliminar esses núcleos habitacionais que representam risco para a população’. As ações são dirigidas a 3 mil famílias.

(W.O.)