Em visita inédita, governador Alckmin recebe presidente croata

Avanço das relações comerciais, investimentos e turismo foram temas do encontro entre o governador paulista e Kolinda Grabar-Kitarović

seg, 19/03/2018 - 19h52 | Do Portal do Governo

Ações para o avanço das relações comerciais, investimentos e turismo. Essas foram as pautas principais do encontro inédito do governador Geraldo Alckmin com a presidente da Croácia Kolinda Grabar-Kitarović, nesta segunda-feira (19) no Palácio dos Bandeirantes.

A visita da presidente croata a São Paulo faz parte de uma agenda de encontros na América Latina. Kolinda chega a capital paulista depois de participar do Fórum Econômico de Santiago no Chile e do encontro com Maurício Macri, presidente da Argentina.

No dia seguinte ao encontro com o governador, Kolinda visitará o Museu de Arte de São Paulo (MASP) e a boutique Fabiana Milazzo, que apresenta a coleção “CROATIA COLLECTION”. A presidente reúne-se ainda com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) Paulo Skaf.

Esta foi a primeira visita oficial de Kolinda ao Brasil desde fevereiro de 2015, quando a vice-primeira-ministra e ministra dos Negócios Estrangeiros e Europeus da Croácia, Vesna Pusic, esteve no país.

Acompanham a presidente Kolinda a chefe de gabinete da presidência Anamarija Kirinić, o embaixador da república da Croácia no Brasil, Zeljko Vukosav, o assessor da presidente para a Política Externa e Europeia, Dario Mihelin, a assessora para os Assuntos Sociais e da Juventude Renata Margaretic-Urlić, a porta-voz Ivana Crnić, a ministra-conselheira da embaixada Diana Strkalj e o cônsul-honorário em São Paulo Oswaldo Muller.

Pela delegação paulista, participam do encontro, o secretário estadual de Turismo Fabrício Cobra, o diretor de Desenvolvimento de Negócios e Relações Institucionais da Investe São Paulo, Sergio Costa, a chefe da Assessoria Especial para Assuntos Internacionais, Ana Paula Fava, e o secretário particular do governador Alckmin, Maurício Pinterich.

São Paulo e Croácia

Não existem acordos firmados entre o Estado de São Paulo e a Croácia. Em 2016, o então ouvidor-geral do Estado paulista, Gustavo Ungaro, participou de uma missão de estudo à Croácia e Bulgária. Ungaro viajou a convite do Banco Mundial e do Conselho Nacional de Controle Interno com objetivo de conhecer a reforma dos sistemas de controle interno desses dois países.

Embora não existam estatísticas precisas sobre o número de croatas vivendo no Brasil, a estimativa é que a população ultrapasse 30 mil, segundo números do Escritório Estatal para a Diáspora Croata. Se forem consideradas as 4ª e 5ª gerações, este número pode chegar a 50 mil.