Cravi Araçatuba realiza “Oficina das Emoções” com mulheres vítimas de violência

Parte das vítimas, segundo a equipe técnica da unidade, apresenta perfil de isolamento por vergonha, medo de julgamentos

qui, 23/07/2020 - 13h22 | Do Portal do Governo

Pensando no atual cenário de distanciamento social em que algumas vítimas de violência permanecem em casa na companhia de seus agressores, o CRAVI Araçatuba, conveniado com o Instituto Asas, promoveu no último dia 29 de junho um encontro presencial de mulheres intitulado “Oficina das Emoções”.

Parte das vítimas, segundo a equipe técnica da unidade, apresenta perfil de isolamento por vergonha, medo de julgamentos, e a oficina proporcionou a troca de experiências, possibilitando que as pacientes mais novas percebessem mudanças significativas nas mais antigas, o que foi crucial para que elas consigam protagonizar suas histórias.

Os profissionais avaliaram que além dos atendimentos individualizados dos usuários do programa, o trabalho em grupo também tem um papel fundamental nesse contexto. “As unidades do CRAVI apostam nessa metodologia de acolhimento para coletivizar sofrimentos comumente relegados ao âmbito privado”, disse o coordenador geral do CRAVI, Bruno Fedri.

Neste mês de julho a unidade realizará um novo encontro com proposta diferenciada para atender uma família que enfrenta a perda violenta de um de seus entes queridos.