SP autoriza R$ 335 milhões para obras e região de Itapeva receberá R$ 8,1 milhões

Novos convênios valorizam atrativos regionais, criam oportunidades de trabalho e geram renda para a população em todas as regiões paulistas

sex, 22/12/2023 - 17h19 | Do Portal do Governo

O governador Tarcísio de Freitas autorizou nesta quinta-feira (21) a assinatura de 211 novos convênios com municípios turísticos para obras de infraestrutura. Os investimentos somam R$ 335 milhões e vão beneficiar 182 cidades em diversas regiões administrativas de São Paulo.

A região de Itapeva assinou sete novos convênios e receberá investimentos de R$ 8,1 milhões. Serão contemplados os municípios de Campina do Monte Alegre, Itaóca, Itaporanga, Itararé, Paranapanema, Piraju e Ribeirão Grande.

Ao longo de 2023, o Governo de São Paulo inaugurou 110 obras voltadas ao turismo: uma média de nove obras entregues por mês, a maior parte delas em municípios do interior. Na região de Itapeva, a obra inaugurada de Campina do Monte Alegre somou R$ 615 mil.

“A parceria do Governo do Estado com as prefeituras está dando muitos resultados. Estamos celebrando convênios que vão ser investidos no turismo e a beleza de São Paulo é essa: temos turismo de compras, de negócios, ecoturismo, turismo de rodeio, agrícola, religioso e também ferroviário. Temos gestores comprometidos que perceberam a potência do turismo para gerar oportunidades e atrair investimentos”, afirmou Tarcísio em cerimônia no Palácio dos Bandeirantes.

Os recursos serão repassados pela Secretaria de Turismo e Viagens, por meio do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (Dadetur). “São recursos que levam desenvolvimento a municípios de enorme vocação turística, geram novos fluxos de visitantes e criam oportunidades de trabalho e renda para a população local”, disse o secretário de Turismo e Viagens de SP, Roberto de Lucena.

Com apoio do Governo do Estado, o desempenho do segmento em todo o território paulista deve registrar o melhor desempenho dos últimos cinco anos. A estimativa é de que a economia do setor cresça 6,9% e atinja os R$ 289,5 bilhões, segundo o Centro de Inteligência da Economia do Turismo (CIET), ligado à Secretaria de Turismo e Viagens de SP, alcançando a marca de 9,3% do PIB paulista. Este ano, foram criados 59 mil novos postos de trabalho relacionados ao turismo no estado.