Blitze autua Espaço das Américas por show com 1.500 pessoas

Outros quatro locais na capital foram notificados por descumprimento das regras do Plano SP

dom, 01/08/2021 - 14h37 | Do Portal do Governo

O Comitê de Blitze do Governo de SP autuou na noite deste sábado (31) o Espaço das Américas, na Barra Funda, na zona oeste da capital, no qual 1.500 pessoas estavam aglomeradas, em descumprimento das medidas sanitárias de prevenção ao coronavírus.

Veja também
Site Vacina Já faz pré-cadastro da imunização contra COVID-19
Guia de prevenção sobre o novo coronavírus
As medidas adotadas pelo Governo de SP para o combate ao coronavírus

A Vigilância Sanitária Estadual realizou orientação em 31 estabelecimentos comerciais em cinco bairros da capital. Como resultado da ação, um estabelecimento na Consolação e um no bairro Guarapiranga foram autuados por descumprimento do horário limite de funcionamento do Plano São Paulo. Por aglomeração, foram autuados o Sutton Club, no Itaim Bibi, com 257 pessoas; e o Vila Country, na Água Branca, com 250 pessoas.

Campos do Jordão

Com a temporada turística de inverno, o Governo do Estado também intensificou a fiscalização no município de Campos do Jordão desde o mês de junho. As ações conjuntas envolvem equipes da Vigilância Sanitária Estadual, Grupos de Vigilância Sanitária das cidades de Taubaté e Campos do Jordão e o Batalhão de Choque da PM.

Neste sábado (31), houve 32 inspeções/orientações em Campos do Jordão, além de nove autuações notificações por aglomeração e desrespeito às regras de distanciamento.

Comitê de Blitze

Criado no dia 12 de março, em parceria com a Prefeitura de São Paulo, o Comitê de Blitze tem como objetivo reforçar as fiscalizações e o cumprimento das medidas restritivas da fase emergencial e evitar a propagação do coronavírus.

Integram o Comitê agentes da Guarda Civil Metropolitana e da Covisa (Coordenadoria da Vigilância Sanitária) pela Prefeitura de São Paulo. Pelo Governo do Estado, atuam profissionais da Vigilância Sanitária, Procon e das Polícias Civil e Militar.

Qualquer pessoa pode denunciar festas clandestinas e funcionamento irregular de serviços não essenciais pelo telefone 0800-771-3541 e também no site www.procon.sp.gov.br ou pelo e-mail secretarias@cvs.saude.sp.gov.br, do Centro de Vigilância Sanitária.