Nova etapa do Rodoanel será entregue no início de abril

Trecho que liga as Rodovias Régis Bittencourt e Raposo Tavares foi vistoriado nesta quinta-feira, dia 21, pelo governador Geraldo Alckmin

qui, 21/02/2002 - 12h50 | Do Portal do Governo


Uma nova etapa do Rodoanel Mário Covas será concluída até o início do mês de abril. É a interligação das Rodovias Régis Bittencourt e Raposo Tavares, localizada no Trecho Oeste do Rodoanel e que receberá cerca de 34 mil veículos por dia. A obra está bastante adiantada, com um túnel de 468 metros concluído e a pavimentação de concreto da pista no sentido Raposo-Régis totalmente executada.

Além do túnel, o trecho apresenta duas pistas com 4 faixas de rolamento de 3,6 metros de largura cada; acostamento de três metros de largura e refúgio de um metro; canteiro central, que varia entre 3,8 e 11 metros de largura, três pontes e cinco viadutos.

Os trabalhos de conclusão foram vistoriados pelo governador Geraldo Alckmin nesta quinta-feira, dia 21. Ele percorreu de carro os sete quilômetros que fazem a interligação das estradas. Após o trajeto, Alckmin disse que a entrega da obra poderá ser antecipada para o fim de março.

O governador informou que os moradores da cidade de Embu serão beneficiados antes mesmo da inauguração. “No máximo em quinze dias será entregue uma ponte na Rodovia Régis Bittencourt, que vai oferecer mais segurança no acesso ao Embu”, disse. A ponte faz parte das obras complementares à construção do Rodoanel.

O secretário dos Transportes, Michael Paul Zeitlin, que acompanhou o governador durante a vistoria, disse que após a conclusão dessa etapa deverá ser entregue o trecho que liga a Raposo Tavares até o trevo da Padroeira, localizado entre Osasco e Carapicuíba.

Além de beneficiar os moradores da Região Metropolitana com a diminuição do tráfego e da poluição, o Rodoanel também irá atrair investimentos para a cidade. As áreas próximas da obra serão pontos importantes para a atração de empresas. Cerca de 600 empregos diretos e 1.000 indiretos poderão ser gerados ao longo do Rodoanel.

Anhangüera – Bandeirantes

O primeiro subtrecho do Rodoanel, que interliga o sistema Anhangüera, Bandeirantes e Av. Raimundo Pereira de Magalhães, foi entregue em dezembro de 2001. Cerca de 15 mil veículos já circulam diariamente pelo local, índice superior ao da Rodovia Ayrton Senna, no pedágio de São José dos Campos.

A inauguração desta etapa representou 20% da extensão do Trecho Oeste do Rodoanel, mas já possibilitou uma expressiva melhoria no tráfego de Perus, Caieiras, Francisco Morato e Franco da Rocha.

Rogério Vaquero