Cultura: Secretaria e instituições garantem centro de referência mundial da Língua Portuguesa

Convênio também prevê desenvolvimento do projeto Estação Luz da Nossa Língua a partir desse mês

qui, 06/03/2003 - 13h41 | Do Portal do Governo

Da Agência Imprensa Oficial e Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Cultura


Foi assinado convênio entre a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Secretaria de Estado da Cultura e Fundação Roberto Marinho para desenvolvimento do projeto Estação Luz da Nossa Língua. O centro de referência mundial da Língua Portuguesa irá funcionar na Estação da Luz, que deverá ser restaurada a partir de março deste ano.

A sede abrigará programa de leitura para transformar o Estado de São Paulo num ‘Estado de leitores’. Serão desenvolvidas atividades como oficinas de leitura e redação, workshops, palestras com escritores, orientadas ao público em geral.

Difundir a literatura

Durante encontro entre o embaixador João Augusto de Médicis, representante da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, a secretária da Cultura do Estado, Cláudia Costin, ressaltou a importância desse centro, que colocará a população em contato com a riqueza da nossa Língua em todas as suas vertentes. ‘Falar a língua é assegurar a identidade de um povo’, disse.

Ela frisou também que a proposta do projeto é ampliar o acesso da sociedade às obras literárias nacionais e difundir a literatura dos oito países que falam a língua portuguesa (Brasil, Portugal, Angola, Moçambique, Timor-Leste, Guiné Bissau, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde).

A Estação da Luz deverá ser um centro irradiador de projetos de capacitação de professores da rede estadual de ensino. Haverá estudos e pesquisas a respeito da Língua Portuguesa (inclusive de regionalismos e dialetos), tornando-a viva e em constante mutação. As Secretarias de Estado da Cultura e da Educação também participarão da ação.

(AM)