CPTM : Estação Brás recebe Projeto Cultural Canjica de Marte

Evento será realizado no próximo sábado, dia 18

qua, 15/10/2003 - 10h50 | Do Portal do Governo

O mezanino da Estação Brás, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) receberá neste sábado, dia 18, a mistura de sons do Projeto Cultural Canjica de Marte, que nasceu no bairro de Itaquera, na Zona Leste.

Durante o evento, das 10h às 16h, estarão se apresentando as bandas Tumor Leste, Estação Nagô, Nação 16 Toneladas, Anamauê e Samba Café Paulista, cantando rock, MPB, funk, samba e maracatu.

O Projeto Cultural Canjica de Marte quer ocupar espaços públicos reunindo em um mesmo local, desde teatro, música, dança, artes plásticas, literatura até vídeos, proporcionando o contato direto e promovendo um intercâmbio entre comunidades e artistas.

No intervalo das apresentações musicais na Estação Brás, o grupo literário Prop(h)anos vai declamar poesias para os usuários. O público também terá a oportunidade de assistir aos vídeos-poemas “Vácuo”, produzido por Antonio Primus e “Carandiru”, de João Luiz.

Para Primus, um dos fundadores do “Canjica”, a primeira apresentação em uma estação ferroviária do porte da Estação Brás está gerando uma grande expectativa: “é a possibilidade de uma projeção maior, mostrando nossa arte para pessoas que vão para os mais diversos pontos de São Paulo”, diz. 

Da Assessoria de Imprensa da CPTM

(AM)