Agricultura: Truticultores realizam encontro nacional em Campos do Jordão

Evento será neste sábado, dia 27

sex, 26/11/2004 - 19h02 | Do Portal do Governo

Neste sábado, dia 27, criadores de todo país se reúnem a partir das 10 horas para o XVII ENA – Encontro Nacional da ABRAT – Associação Brasileira de Truticultores, e comemoração dos 40 anos da Estação Experimental de Salmonicultura, da Secretaria de Agricultura de São Paulo, em Campos do Jordão.

Além das palestras técnicas e eleição da nova diretoria da Associação na parte da tarde, será realizada também após a abertura oficial com a presença do chefe de gabinete da Secretaria, Antonio Vagner Pereira, representando o secretário Duarte Nogueira, um banquete com degustação, tudo preparado pelo serviço de cozinha do Grande Hotel, renomado hotel-escola pertencente ao Senac do município.

O evento é realizado anualmente para discutir os problemas enfrentados pelos truticultores e para atualização dos mesmos às novas tecnologias disponíveis. A Associação Brasileira de Truticultores, fundada em 1987, foi recentemente subdividida em duas regionais: sudeste e sul, congregando a maioria dos quase 120 truticultores do país. Uma de suas vitórias mais recente foi a inclusão da truta entre as espécies priorizadas pelo Governo Federal através da Plataforma Tecnológica do Agronegócio da Truticultura.

O trabalho neste setor data da década de 60 com a criação da Estação Experimental de Salmonicultura, em Campos do Jordão, que ao longo de sua história foi e continua sendo o principal pólo de desenvolvimento de tecnologia para o setor, sendo atualmente a única entidade governamental que desenvolve pesquisa com esta espécie no Brasil. Produz anualmente 2 milhões de ovos embrionados, dos quais 50% são exportados para outros estados.

Segundo a diretora da Estação, Yara Aiko Tabata, a produção total anual de trutas é de aproximadamente 2 mil toneladas, cerca de 15% do consumo nacional de salmonídeos, o restante é suprido pela importação de trutas e salmões do Chile. Os principais estados produtores são: São Paulo, Santa Catarina, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

No Estado de São Paulo, estima-se em torno de 30 propriedades dedicadas à exploração da truta, distribuídas nos municípios de: Cunha, Campos do Jordão, Pindamonhangaba, São Bento do Sapucaí, Arujá, Bananal, Guaratinguetá, Piracáia, Santo Antonio do Pinhal. Destas propriedades 30% dedicam-se à pesca recreativa (pesque-pague) e estão situadas próximas a Campos do Jordão, local de maior concentração turística. A produção total estimada é de 600 toneladas/ano.

Local: Grande Hotel – Escola SENAC
Av. Frei Orestes Girardi no 3549, em Campos do Jordão/SP

Da Assessoria de Imprensa da Secretaria da Agricultura

M.J.