Ter, 05/01/16 - 08h15

Exposição sobre antiga União Soviética chega ao Memorial da América Latina

São cerca de 200 imagens em preto e branco feitas por seis importantes fotógrafos da região; mostra vai até 15 de fevereiro de 2016

  • Download Foto: Divulgação
    São cerca de 200 imagens em preto e branco feitas por seis importantes fotógrafos

    São cerca de 200 imagens em preto e branco feitas por seis importantes fotógrafos

  • Download Foto: Divulgação
    O período retratado na mostra vai de 1956 a 1991

    O período retratado na mostra vai de 1956 a 1991

A exposição "União Soviética através da câmera" chega ao Memorial da América Latina nesta quarta-feira (6) na Galeria Marta Traba. A mostra é uma parceria com o Museu Oscar Niemeyer (MON) e segue até o dia 15 de fevereiro.


São cerca de 200 imagens em preto e branco feitas por seis importantes fotógrafos da União Soviética: Viktor Akhlomov, Yuri Krivonossov, Antanas Sutkus, Vladimir Lagrange, Leonid Lazarev e Vladimir Bogdanov.


O período retratado na mostra vai de 1956 a 1991, que se inicia quando Nikita Khruschev denuncia os crimes de Josef Stalin (morto em 1953) e termina com a dissolução do bloco dos países socialistas da então União Soviética. O cotidiano desse “país fantasma” que surgiu entre o degelo de Khruschev e a Perestroika de Gorbachev é a temática da mostra que, segundo os curadores Luiz Gustavo Carvalho e Maria Vragova, também se propõe a refletir o singular papel exercido pela fotografia na sociedade soviética pós-stalinista.


SERVIÇO
Exposição "União Soviética através da câmera" no Memorial 
De 6 de janeiro a 15 de fevereiro
Memorial da América Latina – Galeria Marta Traba
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, São Paulo (ao lado do Metrô Barra Funda)
Terça a domingo, das 9h às 18h
Entrada gratuita


Do Portal do Governo do Estado

Destaques do dia