Linha 6 chegará às vilas Nova Cachoeirinha e Brasilândia

04/12/08

Atualizada às 17h22

Prevista inicialmente para ligar a Freguesia do Ó à estação São Joaquim (Linha 1-Azul), a Linha 6-Laranja do Metrô será estendida aos bairros da V. Nova Cachoeirinha e Brasilândia, na zona norte da capital paulista. A novidade foi anunciada nesta quinta-feira, 4, pelo governador José Serra, pelo secretário dos Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella e também pelo presidente do Metrô, José Jorge Fagalli.

"O projeto para esse metrô vai entrar em concorrência neste mês. Trata-se de um projeto complexo. Custa R$ 80 milhões um metrô bem feito, e as obras começarão nesta gestão. São recursos de Governo, Prefeitura e vendas, como a da Nossa Caixa e a conta-salário do Estado", disse o governador.

Para atender a esses dois distritos carentes de transporte de massa, o Metrô ampliou o traçado da Linha 6-Laranja. A partir da estação Freguesia do Ó haverá uma bifurcação que seguirá com um trecho para a V. Nova Cachoeirinha, com mais de quatro quilômetros e três estações, e outro para a Brasilândia, com quatro quilômetros e três estações.

Com a extensão, a Linha 6-Laranja terá, no total, 18,4 quilômetrose 17 estações. A nova linha também será integrada às linhas 7-Rubi e 8-Diamante da CPTM, na estação Água Branca; Linha 4-Amarela, na estação Higienópolis-Mackenzie.

A demanda prevista da linha é de 600 mil passageiros/dia, atendendo aos bairros da Freguesia do Ó, Limão, Perdizes, Sumaré, Bela Vista e Liberdade. Grandes centros educacionais como a UNIP, PUC, FAAP, Mackenzie e FMU também serão beneficiados pela nova linha, que irá se conectar com importantes eixos de transporte coletivo por ônibus como as avenidas Marquês de São Vicente, Sumaré, Angélica, Nove de Julho e Brigadeiro Luís Antônio, além das ruas Guaicurus/Clélia e Consolação.

Para o usuário que partir de Brasilândia rumo à estação São Joaquim (Linha 1–Azul), o ganho no tempo de viagem será de 1h20, e para quem sair de Cachoeirinha com o mesmo destino, 40 minutos.

A Linha 6-Laranja já recebeu, em 2008, R$ 75 milhões provenientes da Prefeitura de São Paulo para a execução dos seus projetos. A construção da linha movimentará o mercado de trabalho, gerando 10 mil empregos diretos e 16 mil indiretos.

Expansão

Em 2008, o Metrô está construindo uma nova linha: a 4-Amarela e expandindo outras duas: a 2-Verde e a 5-Lilás. Até 2010, o Plano de Expansão do Transporte Metropolitano receberá do Governo do Estado de São Paulo R$ 20 bilhões, o maior investimento já realizado no setor.

Um dos principais objetivos é quadruplicar o número de linhas com qualidade de metrô, fazendo com que a rede passe dos atuais 61,3 quilômetros para 240 quilômetros, uma antiga reivindicação da população.Com 12,8 quilômetrosde extensão, a Linha 4-Amarela ligará a V. Sônia, na zona oeste, ao bairro da Luz, no centro da capital, totalmente em subterrâneo, e terá 11 estações (V. Sônia, São Paulo-Morumbi, Butantã, Pinheiros, Faria Lima, Fradique Coutinho, Oscar Freire, Paulista, Mackenzie-Higienópolis, República e Luz).

A Linha 4-Amarela terá integração com a Linha 1 – Azul, na estação Luz; com a Linha 2-Verde, na estação Paulista; com Linha 3- Vermelha, na estação República; e com as linhas 7, 8, 9, 10 e 11, da CPTM, nas estações Luz e Pinheiros. Depois de integrar-se à linha 9-Esmeralda, da CPTM, na estação Pinheiros, também será possível acessar a Linha 5 – Lilás do Metrô na estação Santo Amaro.

As obras do Metrô prosseguem na Linha 2-Verde com a expansão de mais 4,3 quilômetrosde vias subterrâneas/elevadas e mais três estações: Sacomã, Tamanduateí e V. Prudente. São seis frentes de escavação de túnel e as três estações estão em obras. A previsão de entrega desse novo trecho é 2010, incluindo a compra de 16 novos trens (já com atualizações tecnológicas e conforto, como ar-condicionado).

A ampliação da rede metroviária segue para a região Sul da cidade. A expansão da Linha 5-Lilás terá mais 11,7 quilômetrose 11 estações: Adolfo Pinheiro e Brooklin-Campo Belo, até 2010 e, futuramente, Alto da Boa Vista, Borba Gato, Água Espraiada, Ibirapuera, Moema, Servidor, V. Clementino, Santa Cruz e Chácara Klabin.

Do Metrô