Direitos da Pessoa com Deficiência

Direitos da Pessoa com Defiiciência

Um dos principais desafios da sociedade moderna é dar visibilidade às pessoas com deficiência, encontrando formas justas e eficientes de inserir essa parcela da população nas atividades básicas do dia a dia e em tantas outras situações.

A falta de informação e de contato com esse universo é um dos maiores entraves encontrados pelo poder público para mudar esse quadro. Por isso, é tão importante que sejam garantidos os direitos de acessibilidade dessas pessoas aos equipamentos culturais e manifestações artísticas, à tecnologia, bens e serviços, educação, estabelecimentos, transporte, entre outros.

Garantir esses direitos e mudar a percepção da população sobre o assunto é o trabalho da Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência – SEDPCD. Para alcançar esses objetivos, a pasta possui parcerias com outras Secretarias de Estado nas áreas da Educação, Habitação, Saúde, Emprego e Relações do Trabalho e Economia e Planejamento, além de acordos de cooperação com entidades ligadas à pessoa com deficiência e empresas privadas.

Um dos programas de destaque da SEDPCD é a Rede Lucy Montoro, composta por unidades de saúde que disponibilizam um programa integral de reabilitação às pessoas com deficiência. A rede é coordenada por profissionais especializados e tem tecnologia avançada para diagnósticos e tratamentos específicos.

Veja abaixo as principais realizações da Secretaria Estadual de Direitos da Pessoa com Deficiência:

PROGRAMAS E AÇÕES

REDE LUCY MONTORO

Composta por unidades de saúde que disponibilizam um programa integral de reabilitação às pessoas com deficiência, é coordenada por profissionais especializados e tem tecnologia avançada para diagnósticos e tratamentos específicos.

Nos últimos seis anos (2011/2016), a Rede Lucy Montoro ganhou oito novas unidades e chegou a 17 centros fixos em todo o estado, com capacidade para realizar mais de 100 mil atendimentos por mês. Além das unidades fixas, há uma unidade móvel com o propósito de atender às demandas mais urgentes.

TIME SÃO PAULO PARALÍMPICO

O esporte é um dos meios mais eficientes de incluir socialmente as pessoas com deficiência. Prova disso foi a atenção dada às Paralimpíadas realizadas logo após os Jogos Olímpicos da Rio 2016, no Rio de Janeiro. Por meio de comitês de apoio aos paratletas, o Brasil conquistou a oitava colocação no quadro geral, somando 72 medalhas, sendo 14 de ouro, 29 de prata e 29 de bronze.

Como resultado do trabalho realizado pela Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, do total de 72 medalhas conquistadas, 30 subidas ao pódio foram de integrantes do Time São Paulo Paralímpico, sendo 8 de ouro, 13 de prata e 9 de bronze.

CENTRO DE TREINAMENTO PARAOLÍMPICO BRASILEIRO

Trata-se do maior complexo de excelência do Brasil e da América Latina. Entregue em maio de 2016, o CT conta com 95 mil m² de área construída e é referência internacional em treinamento e avaliação de atletas paradesportivos.

Localizado no Parque Fontes do Ipiranga, na capital, o CT é fruto de parceria entre o Governo de São Paulo, por meio da SEDPCD, e o Governo Federal, por meio do Ministério do Esporte. Os investimentos estaduais totalizaram R$ 118 milhões.

A excelente estrutura oferecida pelo CT contribuiu diretamente para que os 33 atletas do Time São Paulo Paralímpico que participaram dos Jogos Paralímpicos Rio 2016 fossem responsáveis por 57% das medalhas de ouro do Brasil (e 42% do total da delegação brasileira).

Serviços e informações

SECRETARIA ESTADUAL DE DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Av. Auro Soares de Moura Andrade, 564 – Portão 10 – Prédio do Parlatino / Memorial da América Latina – Barra Funda – CEP 01156-001 São Paulo (SP) – (011) 5212-3700

E-mail: ouvidoria@sedpcd.sp.gov.br

Visitar site

Mais ações de governo